“Chavões e generalidades escorrem pela compreensão humana como água pelas penas de um pato. Não deixam nenhuma impressão. Dizer: ‘O melhor do mundo”, “O preço mais baixo que existe”, etc., (…) superlativos dessa espécie são usualmente prejudiciais. Sugerem frouxidão de expressão, tendência ao exagero, descuido em relação à verdade.”

Claude Hopkins

Livro: A Ciência da Propaganda (Ed. Cultrix, 1966 – 1ª Edição 1923) | Autor: Claude Hopkins | Página: 56

🔖 Citações que expressam a mesma ideia:

“O produto, por si mesmo, deve ser seu melhor vendedor. Não o produto sozinho, mas o produto acrescentado de uma impressão mental e da atmosfera de que você o cerca.”

Claude Hopkins

Livro: A Ciência da Propaganda (Ed. Cultrix, 1966 – 1ª Edição 1923) | Autor: Claude Hopkins | Página: 88

🔖 Outra citação que expressa a mesma ideia:

“Frequentes vezes, a propaganda parece ser coisa muito simples. (…) Mas os que sabem compreendem que os problemas são tantos e tão importantes quantos os problemas de construir um arranha-céu.”

Claude Hopkins

Livro: A Ciência da Propaganda (Ed. Cultrix, 1966 – 1ª Edição 1923) | Autor: Claude Hopkins | Página: 87

🔖 Leia outras citações que expressam a mesma ideia:

“A propaganda se assemelha muito à guerra (…). Devemos ter perícia e conhecimento. Devemos ter treino e experiência, bem como o equipamento certo. Devemos ter munição apropriada, e em boa quantidade. Não nos atrevemos a subestimar os oponentes. Nosso departamento de informações constitui um setor vital (…).”

Claude Hopkins

Livro: A Ciência da Propaganda (Ed. Cultrix, 1966 – 1ª Edição 1923) | Autor: Claude Hopkins | Página: 82

“O publicitário competente deve entender de psicologia. (…) A natureza humana é perpétua. Sob muitos aspectos é a mesma hoje que no tempo de César.”

Claude Hopkins

Livro: A Ciência da Propaganda (Ed. Cultrix, 1966 – 1ª Edição 1923) | Autor: Claude Hopkins | Página: 49

🔖 Citações que expressam a mesma ideia:

“Uma pessoa que queira causar impressão deve-se destacar de alguma forma da massa. E de forma agradável. (…) Fazer coisas admiráveis, de maneira diferente, dá a pessoa grande vantagem.”

Claude Hopkins

Livro: A Ciência da Propaganda (Ed. Cultrix, 1966 – 1ª Edição 1923) | Autor: Claude Hopkins | Página: 110