“Os maiores problemas enfrentados hoje pelo mundo só poderão ser resolvidos se melhorarmos nossa compreensão do comportamento humano.”

B. F. Skinner  

Livro: Sobre o behaviorismo (Cultrix, 2006 – Primeira publicação: 1974) | Autor: B. F. Skinner | Página: 11

“Na maior parte do tempo, somos como robôs: agimos no automático, dirigidos por condicionamentos passados e por velhos hábitos.”

T. Harv Eker  

Livro: Os segredos da mente milionária (Sextante, 2020 – Primeira publicação: 2005) | Autor: T. Harv Eker | Página: 38

“Quando porém se trata puramente do nosso comportamento privado, sabemos muito mal quais as motivações que nos guiam; (…).”

Émile Durkheim     

Livro: As regras do método sociológico (Martin Claret, 2006 – Publicado originalmente em 1895) | Autor: Émile Durkheim | Página: 18

“Somos resultado do tempo, e nossas reações, nossas atitudes atuais, são efeitos acumulados de muitos milhares de momentos, incidentes e experiências.”

J. Krishnamurti  

Livro: A primeira e última liberdade (Cultrix, 1981 – Primeira publicação em 1954) | Autor: J. Krishnamurti | Página: 197

🔖 Leia outras frases que abordam o mesmo tema:

“Compreendeis que toda reação é condicionada e que, através de condicionamento, não há liberdade possível, (…).”

J. Krishnamurti  

Livro: A primeira e última liberdade (Cultrix, 1981 – Primeira publicação em 1954) | Autor: J. Krishnamurti | Página: 101

🔖 Leia outra citação que aborda o mesmo tema:

“Interiormente somos prisioneiros dos nossos desejos, das nossas necessidades, de nossas ideias, de inumeráveis impulsos.”

J. Krishnamurti  

Livro: A primeira e última liberdade (Cultrix, 1981 – Primeira publicação em 1954) | Autor: J. Krishnamurti | Página: 77

🔖 Leia outras citações que abordam o mesmo tema:

“Se refletirdes, vereis que o temor é uma das razões do desejo de aceitar uma crença. Se nenhuma crença tivéssemos, que nos aconteceria? Não ficaríamos aterrorizados com o que poderia acontecer? Se não tivéssemos nenhum padrão de ação, baseado em crença – crença em Deus, ou no comunismo, ou no socialismo, no imperialismo, ou em alguma espécie de fórmula religiosa, algum dogma pelo qual somos condicionados – sentir-nos-íamos perdidos, não?”

J. Krishnamurti  

Livro: A primeira e última liberdade (Cultrix, 1981 – Primeira publicação em 1954) | Autor: J. Krishnamurti | Página: 51

“Nossa educação, nossa estrutura social, nossa pretensa vida religiosa, está toda baseada na imitação. Quer dizer, estou ajustado a uma determinada fórmula social ou religiosa. Deixei de ser um verdadeiro indivíduo, e, psicologicamente, tornei-me simples máquina repetitiva, com certas reações condicionadas, de hinduísta, de cristão, budista, alemão, ou inglês. Nossas reações são condicionadas segundo o padrão da sociedade, seja oriental, seja ocidental, religioso ou materialista.”

J. Krishnamurti  

Livro: A primeira e última liberdade (Cultrix, 1981 – Primeira publicação em 1954) | Autor: J. Krishnamurti | Página: 37

🔖 Leia outra frase que aborda o mesmo tema:

“Gostamos de ver a vulnerabilidade e a verdade transparecerem nas outras pessoas, mas temos medo de deixar que as vejam em nós (…) Vulnerabilidade é a coragem em você, mas inadequação em mim.”

Brené Brown, “A coragem de ser imperfeito”  

Livro: A regra é não ter regras – A Netflix e a cultura da reinvenção (Intrínseca, 2020) | Autores: Reed Hastings e Erin Meyer | Página: 159

“Na visão de Baxter, o cuidado com bens externos deveria somente assentar-se sobre os ombros do ‘santo como uma manta leve, que pode ser jogada de lado a qualquer momento’. Mas o destino decretou que o manto deveria tornar-se uma jaula de ferro.”

Max Weber   

Livro: A ética protestante e o espírito do capitalismo (Martin Claret, 2013 – Textos escritos em 1904 e 1905) | Autor: Max Weber | Página: 259

“Eu admiro as pêssoas calmas porque eu, não sou. Pertenso a classe dos que não leva dessafôro pra casa.”

Carolina Maria de Jesus 

Livro: Casa de alvenaria, volume 2: Santana (Companhia das letras, 2021 – Escrito em 1960 e publicado originalmente em 1961) | Autora: Carolina Maria de Jesus | Página: 135 | A fim de resguardar a integridade da voz e da escrita de Carolina, esta edição mantêm todos as grafias destoantes dos dicionários do início da década de 1960, quando o livro foi escrito.

“Apenas um novo status quo pode superar o status quo.”

Olivier Sibony   

Livro: Você está prestes a cometer um erro terrível: Como lutar contra as armadilhas do pensamento e tomar decisões melhores (Objetiva, 2021) | Autor: Olivier Sibony | Página: 197

O livro “O poder do hábito”, de Charles Duhigg, aborda o tema da mudança de hábito, dizendo que não se elimina um hábito, substitui por outro.

“A grande maioria das violações éticas acontece sem qualquer intenção consciente de faltar ao dever por parte dos autores.”

Bazerman & Moore  

Livro: Você está prestes a cometer um erro terrível: Como lutar contra as armadilhas do pensamento e tomar decisões melhores (Objetiva, 2021) | Autor: Olivier Sibony | Página: 121

“(…) na arbitragem entre o presente e o futuro, a voz do presente fala muito mais alto: dessa maneira, compreendemos por que aceitar perder hoje para ganhar amanhã não é uma proposta atraente.”

Olivier Sibony   

Livro: Você está prestes a cometer um erro terrível: Como lutar contra as armadilhas do pensamento e tomar decisões melhores (Objetiva, 2021) | Autor: Olivier Sibony | Página: 98

🔖 Leia outras citações que abordam o mesmo tema: